Mais lidas
Share

Campinense deve ter oposição na eleição; auditória é um dos objetivos

As eleições do Campinense no final do ano devem ser um pouco diferente, é que pela primeira vez desde 2011 a oposição deverá lançar uma chapa e concorrer no pleito. O Blog do Campinense entrou em contato com um dos conselheiros vitalícios do clube que repassou alguns detalhes sobre a chapa de oposição.



Hoje a oposição no Campinense conta com algo em torno de 15 pessoas, entre eles estão ex-dirigentes e até mesmo ex-presidente. A pretensão era ter lançado uma chapa na última eleição, 2015, mas um erro burocrático com o título patrimonial do empresário Carlos Gonzaga, que seria candidato a presidência na época, acabou estragando os planos. Para 2017 o problema está sendo resolvido e Carlos Gonzaga é um dos nomes que podem ser candidatar à presidência. Outro nome forte é o do professor José Roberto, ex-presidente do Conselho Deliberativo da raposa.

Sobre o ex-presidente Rômulo Leal, o mesmo não vai se candidatar e nem mesmo fará parte da chapa. A oposição prega um novo modelo de gestão, como por exemplo a prestação de contas do clube. Inclusive um dos planos é que se caso essa chapa for eleita, seja feita uma auditória no clube.

A oposição está se reunindo semanalmente e em breve poderemos ter mais novidades. 

Campinense não confirma saída do auxiliar Dinho



Após o Blog do Campinense divulgar a saída do auxiliar Dinho, a assessoria do Campinense entrou em contato com o nosso blog e não confirmou a história da saída do mesmo.

Segundo o contato que foi mantido, o Campinense tem a intenção que o Dinho permaneça como auxiliar técnico permanente da equipe. O clube ainda irá conversar com o auxiliar e assim definir seu futuro na Raposa para 2018.

O resto da comissão técnica também deve ser definido nas próximas semanas.

Auxiliar Dinho não seguirá no Campinense para 2018


O Campinense segue se preparando para a temporada 2018, a comissão técnica ainda será montada junto com o treinador Celso Teixeira dentro das próximas semanas.

A informação que chega do alto da Bela Vista é que o auxiliar técnico Dinho Silva não fará mais parte do clube na próxima temporada. Dinho estava no clube desde 2013 e chegou a comandar a equipe em alguns jogos nessa temporada e até se cogitou a possibilidade de assumir a equipe de forma efetiva. Sendo considerado um dos homens de confiança do presidente William Simões, o auxiliar encerra seu ciclo no clube.

Campinense anuncia Celso Teixeira como novo treinador; especulações surgem

Foto: ASCOM/Campinense Clube
O Campinense anunciou seu treinador para a temporada 2018, trata-se do Celso Teixeira. Junto com ele chega também o preparador físico Gabriel Teixeira. Celso foi o comandante da equipe do Treze nessa temporada, onde também comandou o River na Série D.

-  "Não esperava encontrar uma estrutura desse nível. Já tinha ouvido falar, mas não imaginava que fosse essa maravilha. É um privilégio está em um clube da grandeza do Campinense. Agora é trabalhar incansavelmente para que possamos conquistar grandes coisas." - Celso Teixeira

Eleições no final do ano

William Simões, presidente do Campinense desde 2011, confirmou que irá se candidatar mais uma vez. E se tudo ocorrer como esperado, deverá ser o único candidato nas eleições e mais uma vez eleito. Essa pode ser sua quarta reeleição. De 2011 para cá, o clube conquistou: Copa do Nordeste( 2013), Campeonato Paraibano( 2012, 2015 e 2016), vice da Copa do Nordeste(2016) e vice do Campeonato Paraibano( 2014). Sem falar da nova estrutura do CT da Toca da Raposa, um dos melhores do Nordeste.

Especulações para a temporada 2018

Com um orçamento bem limitado, algo em torno de R$ 150 mil/mês, o Campinense terá que fazer "milagre" para achar boas peças e tentar bater seus maiores rivais, que deverão ter folhas salariais bem maiores. Alguns jogadores dessa temporada devem renovar com o Rubro-Negro, são eles:

- Negretti;
- Fernando Pires
- Joécio
- Rafael Jensen
- Tarciso
- Muller Fernandes
- Reinado Alagoano(Negociações complicadas. Jogador tem um salário muito alto para a realidade atual do clube)

No ano de 2018 o Campinense terá o Campeonato Paraibano e o Campeonato Brasileiro Série D, onde o clube buscará a todo custo o acesso à Série C.

Após 7 anos de mandato, Simões deixará o Campinense; quem assumirá o clube?



Um grande ciclo está prestes a ser fechar no Campinense, após 7 anos como presidente do Campinense, William Simões deixará o cargo no final do ano. O próprio mandatário confirmou que não seguirá à frente do Rubro-Negro em 2018.

Na sua gestão foram três títulos estaduais(2012, 2015 - ano do centenário do clube - e 2016) e a Copa do Nordeste 2013, o maior título do futebol paraibano. Sem falar da estabilidade financeira que o clube não tinha quando Simões assumiu no final de 2010. A Toca da Raposa foi um dos grandes pontos da administração, se tornando um dos melhores e bem estruturados CT do futebol nordestino.

Porém, quando se trata de Campeonato Brasileiro o mandato de William Simões não foi nada positivo, o clube acabou acumulando um rebaixamento para a Série D(2011) e cinco eliminações na Série D(2012, 2014, 2015, 2016 e 2017). O acesso para a Série C, um dos objetivos de Simões, infelizmente não veio.

William Simões ficará no clube até o final do ano e continuará honrando os compromissos que o clube possui: última folha salarial, jogadores com contrato ou machucados e parcelas do ProFut.

Quem assumirá o clube?

Essa é uma boa pergunta, as eleições acontecem em dezembro e dificilmente serão antecipadas. Sem uma oposição clara, fica complicado especular nomes. O Rapozap, grupo de torcedores que ajudaram nas reformas da Toca e promovem diversas coisas entre a torcida, afirmou em sua página no Facebook que não teriam interessem em assumir, a resposta veio após uma pergunta de um torcedor.




Agora é aguardar para ver o que acontecerá. No ano de 2018 o Campinense terá apenas o Campeonato Paraibano e Campeonato Brasileiro Série D. 



Campinense é eliminado da Série D 2017

A Série D acabou para o Campinense. O time raposeiro não conseguiu superar o Fluminense de Feira, neste domingo, e se despediu da competição após empate sem gols no estádio Joia da Princesa, em Feira de Santana. No jogo da ida, os dois times empataram por 1 a 1, e por ter feito gol fora de casa, o Tricolor baiano avançou às oitavas de final.

Essa eliminação é a quarta consecutiva do Campinense na Série D, a outras foram em 2014, 2015 e 2016. Competição que o clube disputa desde 2012 e ainda não conseguiu o acesso. 
















Com informações do ParaíbaOnline
O Blog do Campinense não tem qualquer vínculo com o site oficial do Campinense Clube.

Em postagens antigas, é possível haver erros de português e digitação. Pedimos desculpas, mas não tem como corrigir tantas postagens. Caso você perceba algum, por favor comente e corrigiremos o mais rápido possível.

Seja sócio da Raposa

Traduzido Por: Mais Template - Designed: Blogger Templates - Curioso Curiosidades